O que é bounce rate e qual sua importância para seu site?

Sumário

Posts relacionados

O que é bounce rate e qual sua importância para seu site

O que é bounce rate e qual sua importância para seu site?

Bounce rate é uma das métricas mais importantes para quem trabalha com conteúdo digital. Ela serve para identificar problemas graves em páginas, otimizar o seu resultado e identificar o que é ou não atrativo para o visitante. E o melhor de tudo é que essa métrica pode ser aplicada em qualquer site ou domínio.

Quando um visitante cai em uma página, seja por meio de um backlink ou resultado de um buscador, o que todo desenvolvedor web e dono de site quer é que o mesmo fique e tire suas dúvidas, sane seu problema e encontre aquilo que deseja.

Se sua ação ao entrar na página é sair imediatamente, há algo muito errado com a construção e desenvolvimento do site. Por isso, é tão essencial ficar de olho no bounce rate e o que a métrica revela.

O que é bounce rate?

Bounce rate, em tradução literal, é “taxa de rebote”. Por definição, esta é uma métrica utilizada para verificar quantos visitantes de determinado site acessam a página e não tomam qualquer ação antes de fechá-la em seguida. Isso significa que aquele visitante não se sentiu atraído, teve problemas ou não encontrou o que procurava.

Entender porquê um visitante entrou em determinada página e a abandonou logo em seguida é um processo difícil, mas é essencial saber se esta é uma tendência ou se trata de casos isolados, por isso o bounce rate é tão fundamental. Esta métrica que mostra qual a porcentagem de visitantes que não se interessaram pelo site.

O que é bounce rate
Fonte/Reprodução: original

Se for um número considerável, isso significa que sem dúvidas há um problema grave com sua página. Seja um problema de indexação, onde o Google associa resultados incorretos com o conteúdo do site, e neste caso é necessário um profundo tratamento de SEO para melhorar a forma como o domínio é recomendado, ou mesmo outros problemas graves, como:

  • Lentidão;
  • Falta de informação;
  • Poluição visual;
  • Bugs;
  • Site pouco atrativo;
  • Falta de conteúdo;
  • Conteúdo incorreto;
  • Má qualidade no que é oferecido.

Note que, independente do que seja, todos são aspectos graves e motivos preocupantes para qualquer dono de site. E sem o bounce rate é impossível descobrir qual é o problema real que interfere no aproveitamento do seu site, por isso essa métrica é tão necessária.

Qual é a importância de acompanhar a Bounce Rate?

Como vimos, há uma enorme necessidade em adaptar a métrica de bounce rate para seu site, seja ele qual for, se um blog de conteúdo, e-commerce, site de empresas, entre outros. Sem o bounce rate fica impossível entender qual o motivo por trás do baixo desempenho do seu site, da falta de retenção e, até mesmo, da falta de lucros.

Conhecer as deficiências e fraquezas é fundamental para aumentar o desempenho de uma página e sem o uso da métrica dificilmente fica claro o que há de errado com seu site. Por isso é fundamental não só implementar a métrica como olhá-la com frequência, já que, mesmo raro, pode acontecer de um site perder retenção com o tempo e necessitar de uma atualização em sua estrutura e conteúdo.

Quais as consequências do bounce rate?

Se o seu bounce rate está alto, a perda de visitantes a curto prazo é a menor de suas preocupações. Há uma série de consequências que seu site enfrenta conforme perde leitores rapidamente e, por isso, é muito urgente combater a falta de retenção e descobrir as causas da perda imediata desses visitantes.

Ao estudar as causas do bounce rate, você evita uma série de consequências desagradáveis para o seu site que podem prejudicar bastante o seu resultados nas pesquisas em buscadores, sua relação com outros sites no mercado e até mesmo futuras parcerias.

Falta de tráfego

A falta de tráfego é um problema que afeta todo site com um bounce rate ineficaz. O tráfego é a quantidade de visitantes que entram em seu site, navegam entre seu conteúdo e de algum modo se relacionam com a página. Com um bounce rate alto não há tráfego e, consequentemente, não há interações com o site.

Baixas conversões

Se sua página se trata de um e-commerce ou loja online, uma alta taxa de rebotes significa muito menos vendas. Caso o cliente não se sinta compelido a clicar em promoções, navegar entre os produtos, então não há como o mesmo comprar o que é oferecido em sua loja, ou seja, menos vendas, menos lucro e nenhum crescimento.

SEO ineficaz

E não é só dono do site que se interessa pelo bounce rate. Buscadores como o Google tem bots e algoritmos que estão de olho nessa métrica! Se o seu site não retém clientes, o buscador entende que há algo de errado com ele e assim passa a não ranquear sua página entre seus primeiros resultados, o que torna mais difícil o público te encontrar.

Falta de publicidade

Todo site pode tirar proveito dos anúncios e publicidade que circulam a todo momento em sua página. Porém, com a queda de pessoas em seu site há também uma queda em anúncios. Assim, se sua página conta com o valor gerado por essas propagandas vai acabar em maus lençóis com a alta do bounce rate.

Perda de autoridade

E por fim, existe mais um perigo para sua página com as altas taxas de rebote, que é a perda de autoridade no mercado. Outros sites, caso identifiquem que seu domínio não retém clientes, podem não se sentir interessados em criar collabs, projetos, realizar guest posts e demais parcerias.

Como reduzir o bounce rate?

Por sorte, não há apenas pontos negativos que podem ser ditos sobre o bounce rate. Também é possível diminuí-la com as estratégias corretas e assim evitar que a longo prazo se torne um problema para o seu site. Com inteligência, estratégia e trabalho duro, seu site pode começar a reter mais visitantes.

Como reduzir o bounce rate
Fonte/Reprodução: original

Anote cada uma das dicas abaixo e veja como seu domínio terá mais desempenho. Com práticas simples, porém bem feitas e constantes, seu endereço passará a reter mais público e será um sucesso diante de todo o mercado. Veja como funciona e qual a maneira correta de dar a volta por cima.

UX de qualidade

A UX, experiência do usuário, é um dos fatores que mais incidem no bounce rate. Se o design de sua página for ruim, então com certeza acabará perdendo visitantes de maneira rápida. Porém, se sua página contar com um design agradável, intuitivo e que faça sentido para seu conteúdo, então poderá ter mais e mais visitantes.

Elementos visuais interessantes

Com os elementos visuais certos, que sejam interessantes para o público, sua página tem mais chances de chamar a atenção e conseguir a identificação de novos visitantes e usuários. Tenha um site que invista em multimídia, imagens, gráficos, vídeos que sejam interessantes e mantenham a atenção dos visitantes.

Conteúdo de qualidade

Se o seu conteúdo for de qualidade, então dificilmente um novo usuário se sentirá impelido a sair da página rapidamente. Ter bons conteúdos está entre um dos melhores remédios para evitar taxas de rebote e ter um site de sucesso. Invista em marketing digital e tenha artigos, infoprodutos e recursos de qualidade.

Projetar a página para celulares

Muitas páginas podem perder visitantes, pois não estão projetadas e programadas para ter um bom desempenho em celulares. Com a popularização dos smartphones este é um erro grosseiro que deve ser evitado e resolvido com urgência por seu site. Veja se sua página abre adequadamente em smartphones e conexão 3G, 4G ou mesmo 5G.

Limpe a poluição visual

De maneira alguma mantenha a poluição visual em seu site. Anúncios e pop-ups que pareçam intrusivos, imagens fora de contexto, informação que não seja clara entre outros elementos que atrapalham a experiência do usuário. Mantenha a página o mais clean possível para evitar que usuários fiquem irritados e frustrados e deixem seu site.

Com essas práticas você com certeza terá um site de sucesso, que retém clientes, converte cliques em vendas e também é recomendado por buscadores importantes como o Google. Evitar o bounce rate é o que garante para seu domínio autoridade na internet e a abertura de portas para possíveis parcerias.

Não deixe que a taxa de rebote seja alta em sua página, invista em conteúdo de qualidade, em experiência de usuário e outras práticas para garantir que seus visitantes encontrem o que precisam. Solucione problemas e veja como seu site irá prosperar!