Como otimizar um texto para uma palavra-chave?

Sumário

Posts relacionados

Como otimizar um texto para uma palavra-chave

Como otimizar um texto para uma palavra-chave?

Não sabe como utilizar uma palavra-chave em seu texto? Aprenda tudo sobre elas e como tornar sua produção de conteúdo mais recomendada no Google!

A palavra-chave é um dos recursos mais importantes para o SEO, artigos na internet, marketing de conteúdo e de marketing digital de forma geral. Também conhecida como keyword, uma tradução literal do termo palavra-chave em inglês, todo artigo deve ter uma e investir no seu uso se quiser um bom ranqueamento nos mecanismos de busca e criar tráfego a longo prazo.  

Mas trabalhar com uma keyword não é uma tarefa fácil, visto que é preciso conhecer as técnicas e estratégias para otimizá-la e, assim, chamar a atenção para seu conteúdo. É necessário conhecer quais são as palavras-chave de mais interesse do público e que trazem engajamento. Uma vez dominadas essas técnicas, seu texto será mais rico, eficiente e popular na internet. 

O que é a palavra-chave?

Palavra-chave nada mais é do que o principal termos do seu texto. Ela é o núcleo do qual o texto fala ou pelo menos aquilo que dá sustento ao seu assunto do artigo. O conceito original de uso popular também significa as diversas palavras que funcionam como senha e gatilho para uma ação. 

O que é a palavra-chave
Fonte/Reprodução: original

Esta natureza ainda está vinculada ao significado dessas palavras, mas as keywords constituem uma série de estratégias que chamamos de SEO (Search Engine Optimization), Otimização para Mecanismos de Busca. Toda palavra-chave está diretamente ligada ao engajamento de determinado texto na internet.  

Por se tratar de uma forma de resumir um assunto, ideia, conteúdo ou ação, as keywords são geralmente constituídas de uma ou duas palavras, no máximo uma pequena oração que deve estar contida e tratada no texto. E ao longo da produção de conteúdo, essa mesma ideia será desenvolvida e trabalhada de modo escrito. 

Qual a função da palavra-chave?

A função da keyword é dupla. Por um lado ela é uma chave para o entendimento de todo o texto, o núcleo do assunto que será desenvolvido, explicado e a ideia a ser trabalhada durante a leitura do artigo. Esta é uma função diretamente ligada à construção do texto e o interesse e entendimento do leitor.

Porém, existe uma segunda função que é tão importante quanto esta, que é o protagonismo nas estratégias SEO. É por meio da palavra-chave que o seu texto é encontrado nos mecanismos de busca como o Google ou Bing. Quando o usuário digita aquilo que procura no campo de busca dessas plataformas, o algoritmo do buscador procura entre os diversos sites quais as palavras-chave relacionadas com o que foi pesquisado. 

Portanto, um texto sem a palavra-chave é um texto sem uma espinha dorsal e sem estrutura, na maioria das vezes a ausência de keyword o torna confuso e sem sentido. Por conta do SEO, a falta de palavras-chave também impedem o ranqueamento do site e o impede de ser encontrado nos buscadores. 

Como faço para identificar a palavra-chave no texto?

Como a keyword de um texto é o seu principal assunto, geralmente a melhor maneira de identificar qual a palavra-chave do artigo é lendo-o, procurando o que ele fala e que assunto é desenvolvido na escrita. Identifique se uma, duas palavras ou uma oração é repetida com mais ênfase durante a leitura, e se encontrar pode suspeitar de que se trata da keyword. 

Outro recurso útil para identificar é procurar nos headings, títulos e subtítulos por alguma palavra ou termo que se repete. Como teste, você pode tentar realizar uma pesquisa reversa procurando em um buscador pela keyword suspeita. Veja se o buscador retorna com a página que estava lendo. 

7 dicas de como definir minha palavra-chave

Existem dicas que fazem a diferença na hora de escolher a keyword para o seu texto. Essas dicas funcionam não só para trazer ao SEO maior eficiência, aumentando o engajamento do artigo, mas também para conversar com o público alvo e estruturar o texto adequadamente. 

Afinal, de nada adianta um texto ter ótimos resultados de SEO se sua estrutura não promover um conteúdo útil, uma leitura agradável e transmitir a mensagem que o leitor está buscando. Lembre-se que ser engajado não é o principal objetivo da escrita, mas sim criar um bom texto para o leitor. 

Objetivo da estratégia

A primeira dica para a escolha das palavras-chave é ter uma estratégia muito bem pensada com um objetivo claro. Por exemplo, um texto pode ter diversos fins, pode ser informativo onde o principal objetivo é passar uma notícia, orientador que visa esclarecer uma polêmica, ou até mesmo um artigo cujo objetivo é promover um serviço ou produto. 

Por isso, se torna necessário reconhecer qual é o objetivo estratégico para que a palavra-chave seja suficiente e adequada, trabalhando a estratégia da maneira mais eficiente possível. Aqui também é necessário esclarecer que dentro da dinâmica de venda, e de outros objetivos que um texto pode ter, o artigo pode variar quanto a função, o que torna essa estratégia mais complexa. 

Por exemplo, há artigos que visam apenas esclarecer o funcionamento de um serviço, outros que procuram detalhá-lo para que o leitor o compre e essas diferenças acabam abrindo um leque de possibilidades para cada texto específico. Essas diferenciações nas vendas são compreendidas pelo termo de “funil de vendas” que funciona como uma figura visual do processo de venda. 

Objetivo da estratégia
Fonte/Reprodução: original

A figura do funil é representada de cabeça para baixo, onde o seu topo é formada pela parte mais ampla, representando o público geral e a parte mais abrangente do mercado. Conforme a figura se afunila, os consumidores acabam se aproximando do final da negociação onde a conversa vai ficando mais objetiva e orientada à contratação de um serviço ou a compra de um produto.

Por conta dessa diferença de estado a palavra-chave e a natureza do texto pode variar bastante. Artigos de topo de funil que atingem o mercado de maneira ampla, não falam diretamente do serviço. Já aqueles de base de funil, em sua ponta mais fina, tratam da contratação de um serviço de modo direto. Por isso, saiba qual o objetivo do seu texto para integrar uma ótima keyword. 

Persona

A persona é mais um item fundamental que deve estar presente na escolha da keyword. Muitos ainda confundem o público-alvo ou perfil de cliente ideal com a persona, e embora sejam relacionados e se tratem de perspectivas a respeito do público de uma empresa, existem diferenças de um conceito para o outro. 

Enquanto o público-alvo é formado por informações a respeito desses clientes que também integram a persona, o conceito de persona leva essas informações para a criação de um personagem. A persona é pensada para simular uma pessoa de fato, recebe nome, hábitos, informações pessoais e até mesmo um comportamento. 

Isso auxilia na criação e personalização de todo o marketing, incluindo o marketing de conteúdo, artigos e keywords. Pensar em palavras-chave para um personagem é mais atrativo e gera interações mais dinâmicas e auxilia na produção de todo o texto, incluindo a própria keyword.

Coloque-se no lugar do seu público

O principal benefício de imaginar uma persona é que com ela é mais fácil se colocar no lugar do público e lembrar que o texto está sendo escrito para ser lido por alguém de carne e osso, não apenas para o algoritmo. Ter isso em mente deve ser o norte da produção do conteúdo. 

A escolha das palavras-chave para seus textos também deve seguir essa regra, sempre sendo orientada para o público, para a criação de um conteúdo de qualidade, útil e bem escrito. Com esse cuidado, você pode apostar que a escolha de suas keywords sempre serão as melhores possíveis. 

Head tail keywords

Existem palavras-chave especiais chamadas de head tail keywords. Essas palavras-chave são conhecidas por serem alvo de muitas pesquisas em buscadores, com alta demanda por resultados. As head tail keywords costumam ter bastante cliques e centenas, senão milhares de pesquisas diárias. São exemplos de head tail keywords: 

  • Moda feminina; 
  • Carros usados; 
  • Tênis; 
  • Dieta;
  • Marketing;
  • Vendas.

Por conta de sua procura, as head tail keywords devem ser utilizadas estrategicamente pelo seu site, mirando sempre em atingir um mercado mais amplo e um público novo. Procure utilizá-las no momento certo e com um assunto que tente fidelizar o leitor e orientá-lo a buscar novos textos e interagir com sua plataforma. 

Pesquisa de concorrentes

Sempre verifique o que seus concorrentes estão utilizando como palavra-chave. Isso não só aumenta o seu conhecimento sobre o mercado, público e de marketing digital como também auxilia a ter boas ideias de como conseguir enriquecer seus artigos, suas keywords e outras características.

Observar atentamente seus concorrentes irá trazer boas ideias para suas palavras-chave e seus textos. É possível também imaginar estrategicamente o tipo de conteúdo que está sendo buscado e que faz sucesso com o público. Leia, sempre que puder, os artigos de outros sites. 

Long tail keywords

Se as head tail keywords significam palavras-chave pesquisas pelo grande público, as long tail keywords estão ligadas a pesquisas direcionadas a um assunto específico. Esse tipo de palavra-chave é muito útil para empresas que tratam de assuntos de nicho e promovem um engajamento com menor taxa de usuários, porém com maior eficiência para o conteúdo trabalhado em seu site.

Por se tratarem de palavras-chave ligadas a ações, conteúdos e pesquisas específicas, chega a ser até mais fácil utilizá-las em seu site e conteúdo. Essas keywords permitem mais exatidão na abordagem, em especial para sites de venda que podem apostar em artigos de base de funil. 

Utilize ferramentas práticas

Uma ótima forma de criar e usar keywords de maneira inteligente é usando ferramentas práticas. Essas ferramentas também permitem aumentar o SEO do seu site e criar textos com alto grau de engajamento em buscadores, sempre conseguindo resultados com desempenho nas pesquisas. Confira a seguir 8 ferramentas que irão te auxiliar com suas palavras-chave: 

  • Übersuggest: Ótima ferramenta para descobrir novas palavras-chave, em especial as long tail keywords;
  • Google Keyword Planner: A plataforma oferecida pelo Google Ads que sugere palavras-chave, termos e assuntos interessantes para o ranqueamento do texto;
  • Google Trends: Outra ferramenta oferecida pelo próprio Google que permite descobrir quais os assuntos mais pesquisados pelos usuários; 
  • Keyword Tool: Esta ferramenta gera palavras-chave e as sugere para seu texto, também aponta o grau de ranqueamento que seu texto pode oferecer; 
  • Moz: A Moz é uma empresa especialista em SEO que também oferece ferramentas que te auxiliam na produção de conteúdo e na descoberta de novas keywords; 
  • SEMrush: Plataforma que traz para o usuário informações interessantes a respeito de engajamento e palavras-chave; 
  • WebPeak: Mais uma ferramenta focada em SEO no geral, mas que também é ótima para sugerir keywords com alto grau de engajamento nas pesquisas; 
  • Spy Fu: Uma das plataformas mais antigas para SEO e produção de keywords. Mas não se preocupe, mesmo estando no mercado há anos a Spy Fu oferece ótimas palavras-chave. 

Com essas ferramentas, produzir conteúdo relevante ficará mais fácil! Com elas é possível conhecer de antemão qual será o ranqueamento e engajamento das suas palavras-chave, e conseguir ótimos resultados nos buscadores e um bom ranqueamento para sua página, conteúdo e principalmente para seus textos. 

Quantas palavras-chave posso usar na produção?

É possível um mesmo texto ter mais de uma palavra-chave. No entanto, o produtor de conteúdo deve saber que haverá uma divisão e segmentação no ranqueamento do texto entre essas keywords. Também é preciso saber que de algum modo esses termos devem estar relacionados. 

Não se esqueça que antes de ter um bom ranqueamento, o texto deve ser um bom artigo e fazer sentido. Então, é impossível conseguir realizar um bom trabalho com palavras-chave desconexas que tratam de assuntos completamente diferentes um do outro. Outra possibilidade é colocar palavras-chave secundárias, que buscam ranqueamento menor, mas ainda oferecem algum engajamento nos buscadores. 

O que é Keyword stuffing e como evitar?

O termo keyword stuffing é utilizado para descrever sites, produtores e artigos que acabam exagerando no uso das palavras-chave de maneira proposital. Geralmente esse tipo de prática visa manipular os resultados do Google de modo a colocar seu site, artigos e páginas em evidência no topo dos recomendados pela plataforma. 

Esse tipo de estratégia questionável funcionava alguns anos atrás, porém os diferentes buscadores já criaram medidas para evitar essa manipulação e até mesmo punir quem pratica o keyword stuffing. Portanto, evite o uso em excesso de palavras-chave em seu texto para não ser confundido com os espertinhos e ser punido pela plataforma. 

Por que as palavras-chave são importantes na produção?

Uma keyword é fundamental para que o texto siga uma ideia desde sua introdução até conclusão. Toda a estrutura do seu artigo será condicionada pela keyword, trabalhar o assunto e desenvolver a ideia que a palavra-chave sugere. Todo o conteúdo depende e gira em torno dela. 

E além dessa importância, há a necessidade de uma keyword ser ranqueada no buscador, de ser pesquisada pelos internautas em plataformas como o Google e Bing. Por isso é essencial o uso de ótimas palavras-chave para conseguir um bom resultado quando o público pesquisar pelo assunto relacionado com seu site. 

Qual a relação da palavra-chave e o SEO?

As técnicas de SEO integram em si o uso das palavras-chave. Elas não utilizam apenas as keywords, há diversas ferramentas e recursos utilizados pelas estratégias SEO, porém as palavras-chave também são essenciais para esse trabalho e criam o ranqueamento dos seus artigos. 

Para o texto em si, podemos eleger a palavra-chave como protagonista do SEO. Mesmo que seu site utilize outros recursos que enriquecem a estratégia, no geral quando o assunto é conteúdo escrito as palavras-chave tem primazia e estão colocadas no núcleo de toda a estratégia de otimização. 

Como otimizar um texto para uma palavra-chave?

Ao escrever um texto, é necessário pensar bem na palavra-chave que será utilizada. Ela deve estar no título principal e se houver contexto o suficiente também em seus subtítulos. Logo nas primeiras linhas do seu artigo, as palavras-chave devem ser colocadas, tanto para o desenvolvimento da ideia, quanto para serem mais facilmente ranqueadas pelos buscadores. 

Mas fique esperto! Nada de cometer keyword stuffing, e acabar exagerando no uso das palavras-chave para não ser penalizado pelos buscadores e também para que a leitura do texto não seja maçante. Tomado todos esses cuidados, seu texto estará otimizado para trabalhar com a keywords. 

O que são palavras-chave negativas e como evitar?

Por fim, é necessário conhecer as palavras-chave negativas antes de começar a sua produção de conteúdo. As palavras-chave negativas, embora tenham esse nome sinistro não necessariamente te penalizam no ranqueamento, mas elas também não oferecem nenhum engajamento interessante, visto que são palavras consideradas neutras do ponto de vista SEO. São exemplos de palavras negativas: 

  • Grátis;
  • Gratuito;
  • Confiável;
  • E-mail;
  • Marketing; 
  • Bom;
  • Mercado Livre;

Essas palavras são consideradas negativas por diversos motivos. Seja porque não dizem nada e não passam de adjetivos vazios, que sem contexto não significam muita coisa, ou porque já são de domínio de uma empresa específica e não abre espaço para concorrência. Tome nota de todas essas palavras antes de começar a sua produção de conteúdo, principalmente com as ferramentas que já mencionamos, visto que elas auxiliam e indicam palavras que são negativas. 

Utilize todo esse conhecimento para produzir seu conteúdo de qualidade. Invista em boas palavras-chave que fujam do padrão e ofereçam ao seu texto mais ranqueamento e engajamento nos buscadores e diante do público. Com todas essas dicas, sem dúvidas sua produção estará mais capaz de conversar com o público e conseguir bons resultados nas plataformas de busca.