Ferramentas de Análise de Dados para E-commerce: O Que Você Precisa Saber

Sumário

Posts relacionados

Ferramentas de Análise de Dados para E-commerce O Que Você Precisa Saber

Ferramentas de Análise de Dados para E-commerce: O Que Você Precisa Saber

Conheça mais sobre análise de dados para e-commerce e como ela pode ser uma ótima aliada para alcançar a prosperidade do seu negócio. Confira!

A análise de dados para e-commerce trata-se da atividade que consiste em conseguir capturar e interpretar de maneira eficiente informações a respeito das atividades de uma determinada empresa que atua no meio digital, na qual tem como objetivo principal o auxílio na tomada de decisões importantes.

O trabalho da análise de dados para e-commerce é de suma importância para os negócios em geral, principalmente no meio digital, por prescindir do processo de tomada de decisões essenciais que podem interferir na vida útil competitiva de uma entidade. Para saber como aplicar esta atividade na sua empresa, de forma eficiente, a fim de aumentar a sua performance lucrativa dentro do mercado, confira o restante do artigo.

O que é a Análise de dados para e-commerce?

A análise de dados para e-commerce trata-se basicamente da atividade responsável de apurar, organizar e interpretar informações a respeito de uma empresa que atua no meio digital, tem como finalidade o auxílio para a tomada de decisões essenciais para a sua sobrevivência no mercado.

Para conseguir apurar dados das informações, os profissionais do ramo usam habilidades e conhecimentos de várias áreas do conhecimento como matemática, estatística, programação e ciência da computação. A combinação dessas diferentes ciências são o pilar básico para uma boa execução do trabalho.

O que é a Análise de dados para e-commerce
Fonte/Reprodução: original

É essencial mencionar que, dentre as áreas do conhecimento citadas, a estatística acaba por ser uma das principais, haja vista que seu objetivo principal de trabalho é a análise de fenômenos complexos da sociedade, de maneira sistematizada, responsável por deixar de forma clara e objetiva a real situação da entidade, o que ajuda a execução de tomada de decisões inteligentes.

As entidades comerciais cada vez mais confiam e investem em profissionais da área de análise de dados para e-commerce, a fim de auxiliar na tomada de decisões eficientes, principalmente ao que abrange as atividades de planejamento de vendas, propaganda e obtenção de uma nova visão a respeito dos atuais e dos novos clientes. Dentre as modalidades de análises existentes, as mais usadas são:

  • Análise descritiva: Tem como finalidade descrever o acontecimento de um fenômeno;
  • Análise diagnóstica: Procura descrever o motivo que fez gerar os acontecimentos;
  • Análise preventiva: Busca conseguir prever o futuro, usa como base fatos ocorridos anteriormente;
  • Análise prescritiva: Recomenda atividades que buscam ajudar no processo de decisões baseadas em cima das previsões.

Resumidamente, o trabalho da análise de dados para e-commerce consiste em uma cadeia de processo que se inicia na apuração das informações, passa pelo exercício de filtrar as mais relevantes e termina na elaboração de interpretações a respeito de tudo que foi apurado. Por fim, todo esse serviço ocasiona uma sistematização de dados que ajuda os gestores a tomarem decisões de forma mais eficaz.

Motivos para fazer análise de dados para e-commerce

Um dos principais motivos para que seja realizado um trabalho de análise de dados para e-commerce é o fato dele conseguir agrupar de forma sistemática informações capazes de auxiliar tomadas de decisões eficientes para a empresa.

É consenso que o procedimento de diagnosticar e resolver um problema de saúde demanda um alto grau de capricho durante a execução de sua atividade, haja vista que qualquer erro pode pôr a vida do paciente em risco. O mesmo ocorre dentro do e-commerce: a ausência ou negligência da análise de dados pode proporcionar perigo à longevidade de uma empresa.

As pesquisadoras Marie-Laurence Caron-Fasan e Raquel Janissek-Muniz defendem no artigo Análise de informações de inteligência estratégica antecipativa coletiva: proposição de um método, caso aplicado e experiências, lançado no ano de 2004, que a sobrevivência de um negócio depende diretamente da capacidade dele de conseguir antecipar as modificações do mercado e adequar-se a elas.

A partir disto, as autoras defendem que a análise de dados para e-commerce além de tentar buscar compreender fenômenos que ocorrem dentro da empresa no presente, também procuram criar mecanismos para tentar entender o que vai ocorrer no futuro, de forma que enxerguem de maneira probabilística o resultado que terão se adotar uma determinada postura.

Quais informações são relevantes na análise de dados para e-commerce?

A análise de dados para e-commerce consegue captar informações, filtrá-las e conseguir sintetizá-las de forma com que tudo fique simples e objetivo para que os gestores possam analisar. No fim, ela é um instrumento que serve para montar um “quebra-cabeças” de informações a respeito de uma empresa.

Para que a análise de dados para e-commerce seja feita de forma eficiente, é essencial definir quais métricas serão observadas com mais atenção. Esse tipo de conhecimento auxilia no entendimento de definir as principais prioridades no momento de analisar resultados e até mesmo reduzir prováveis pontos negativos.

Um dos fatores essenciais para escolher as informações relevantes para análise de dados para e-commerce é a utilização de métodos quantitativos e qualitativos no momento de apurar informações e também conseguir avaliar resultados. Desta maneira, deixa a investigação de dados mais minuciosa, assim deixa mais fiel possível a real situação da empresa.

Dados de movimentações financeiras como: Lucro, investimento, custo e impostos

Este é uma das informações que devem ser acompanhadas de forma frequente, haja vista que está diretamente ligada a saúde financeira da empresa. Desta forma, os gestores devem observar de forma clara a maneira a movimentação de todos os recursos monetários da empresa e identificar o que é custo, investimento, lucro e o que será destinado para impostos.

A partir da identificação dos dados da movimentação financeira da empresa, os gestores poderão saber se o resultado do seu negócio está positivo ou negativo, quais os principais fatores que geram lucro ou prejuízo. Desta forma, a alocação de dinheiro será realizada de maneira mais eficaz.

Informações sobre convergência e funil

Estes dados são essenciais para conseguir analisar os resultados das informações no e-commerce de forma que possibilitam a compreensão de onde estão localizados os pontos que podem atrapalhar a movimentação e a concretização de uma compra dentro do negócio.

Para que isso seja realizado, é essencial considerar a quantidade de visitantes, o número de indivíduos que adicionam os produtos no carrinho de compras, o número de consumidores que acessaram até a última página da compra e, por fim, a quantidade de pessoas que concretizaram a compra. A partir desses dados, fica mais simples enxergar barreiras que deixem o processo de compra fluído.

Informações comerciais com séries temporais

Os gráficos que apresentam séries temporais mostram os dados de maneira estruturada em determinados períodos de tempo. Dessa forma, fica fácil compreender quais são os momentos mais positivos e negativos para a realização de vendas. A partir desta análise, fica fácil planejar atividades assertivas para cada época durante um ano.

A partir da apuração e avaliação desses dados, fica possível saber quais épocas do ano merecem mais investimento de recursos e também as que merecem um certo cuidado em relação à redução de prejuízos, por se tratarem de períodos em que o fluxo de vendas é fraquíssimo.

Informações a respeito da localidade dos consumidores

Conhecer a respeito da localização dos clientes que consomem os produtos da empresa proporciona uma melhor compreensão a respeito dos pontos geográficos que precisam ser priorizados durante as campanhas publicitárias. Se um negócio está localizado no sul do país, mas possui vários consumidores de São Paulo, uma estratégia é usar os feriados da região para aumentar as vendas, por exemplo.

Além do mais, ficará propício planejar as medidas estratégicas para trazer mais clientes novos da mesma localidade do negócio. Para que isso possa ocorrer, deverá ser adotado esquemas de anúncios sistematizados e também ofertar serviços bônus, como frete gratuito para quem reside no sul do Brasil.

Valores a respeito de valores para coletar

Por fim, a análise de dados para e-commerce consegue servir como instrumento auxiliar na definição de preço para produtos ou serviços ofertados pela empresa. Para que isso ocorra é essencial avaliar a quantia média dos produtos mais comercializados na empresa. Dessa forma, ficará fácil saber quanto os clientes estão dispostos a gastar, pois fica mais fácil esperar se eles continuarão ou não adquirir produtos do negócio.

Uma péssima execução deste trabalho pode ocasionar grande prejuízo na empresa, pode assim fazê-la vender muito, mas com um preço baixo que não gere uma boa margem de lucro ou até mesmo colocar um preço alto, mas que pode não atrair clientes novos ou até mesmo fazer com que os antigos não queiram permanecer comprando com o negócio.

Em suma, fica sintetizado que saber identificar quais as informações essenciais que devem ser analisadas pelos gestores da empresa pode proporcionar um possível lucro ou prejuízo a respeito das ações da empresa. Como este trabalho trata-se de uma atividade complexa, é essencial que cada componente dele seja feito de forma eficaz.

Um ponto bastante útil, além de saber fazer a apuração, organização e sistematização das informações é conseguir apresentá-las de forma eficiente, ao ponto que o entendimento a respeito delas fique mais fácil. A autora Cole Nussbaumer Knaflic, em sua obra Storytelling com Dados, lançada em 2019, destaca que apresentar uma ideia baseada nos dados levantados é uma habilidade essencial, haja vista a complexidade deles e também da vontade de tomar decisões sábias.

A autora reforça que a visualização das informações é um dos principais pontos que podem interferir no resultado final no momento de comunicar os relatórios da pesquisa. Para que este trabalho seja executado de maneira eficaz, é essencial seguir alguns pré-requisitos básicos. Confira a lista deles aqui abaixo:

  • Entender o contexto da pesquisa;
  • Definir uma apresentação visual de fácil compreensão;
  • Cortar informações desnecessárias;
  • Focar a atenção nos pontos principais;
  • Pensar como um ilustrador;
  • Contar uma história.

Entender o contexto da pesquisa faz com que fique compreensível entender quais problemas devem ser solucionados, consegue montar uma apresentação que mostre de forma clara e objetiva os principais pontos que devem ser melhorados e potencializados pela empresa. Ao final, é essencial que tudo isso seja apresentado com uma boa estrutura narrativa.

Métricas utilizadas na análise de dados para e-commerce

Após compreender melhor quais são os itens essenciais para uma boa análise de dados para e-commerce, chegou o momento de mostrar a respeito das métricas que auxiliam ao aprofundamento do conhecimento dos resultados apurados. Esse fator também é importantíssimo para uma boa avaliação de desempenho das atividades executadas pela empresa.

Métricas utilizadas na análise de dados para e-commerce
Fonte/Reprodução: original

Para isto, os KPIs, Key Performance Indicator ou Indicadores de desempenho, acabam por ser instrumentos indispensáveis dentro do âmbito do marketing digital, haja vista que por trás delas o negócio consegue obter dados importantes e tomar ações muito mais eficientes. Confira, abaixo, as principais métricas para analisar dados no E-commerce:

Custo de Aquisição do Consumidor

Essa métrica de análise de dados para e-commerce corresponde à soma dos recursos gastos diretamente para captar consumidores novos para a empresa, dividido pela quantia total de clientes captados. Em resumo, quanto menor o gasto, mais eficiente é o plano de retenção. Nele são incluídos todos os custos com AdWords, marketing e mídia paga.

A apuração deste dado possibilita que os gestores possam analisar o custo benefício de sua campanha de marketing, pode assim avaliar se a entrada de novos clientes foi algo benéfico ou maléfico para o negócio. Desta forma, ele saberá quais pontos serão cortados e os investidos em futuros orçamentos para campanhas publicitárias.

Taxa De Conversão

Trata-se de uma das métricas mais importantes, haja vista que ela mostra a quantidade de consumidores que consumem seu produto. Para realizar seu cálculo, deve-se dividir a quantidade de usuários que consumiram algo pelo total de visitantes e multiplicá-lo por 100. Dessa forma, será identificado o valor percentual de indivíduos que compraram o seu produto.

Pela apuração da taxa de conversão ficará evidente se a campanha publicitária da empresa obteve um resultado positivo ou negativo. A partir disso, será feita uma avaliação para saber quais foram os principais fatores que proporcionaram o resultado final. De forma prática, ela oferece uma espécie de “mapa” que mostra os pontos mais influentes no lucro do negócio.

Abandono da Compra

O abandono do carrinho corresponde a um indicador essencial, porque ao descobrir em qual período do processo de compras os seus consumidores abandonam ela, proporciona reflexões a respeito da melhoria do negócio. Para apurar o seu resultado, basta dividir a quantidade total de pessoas que colocaram os produtos no carrinho pelo número total de compras realizadas e multiplicá-las por 100.

Após apurar este resultado, os gestores começarão a avaliar as estratégias tomadas para o processo de realização de compras dos clientes a fim de saber se algo precisa ser mantido ou modificado. Apesar de simples, esse indicativo é essencial para uma boa lucratividade de uma empresa, pois ela abrange um dos momentos mais importantes da comercialização, o do ato da compra.

Indicador de Rejeição

O indicador de rejeição mostra informações correspondentes a interação do consumidor com uma determinada empresa. Dessa forma, é essencial conhecer a quantidade de tempo que ele navegou no site do negócio, quais foram os links clicados e quanto foi apurado no final em cada seção. Mediante esses dados, é necessário observar quais âmbitos da empresa digital são pouco atrativos e compreender o que ocasionou isso.

A partir da avaliação desse indicativo fica compreensível quais setores estão chamam mais atenção ou os que estão menos atrativos. Isso mostra o que deve ser modificado para contornar a situação e o que deve ser mantido para se manter um bom resultado.

Retorno sobre investimento

Ao finalizar a lista, o Retorno sobre Investimento, popularmente conhecido pela sigla ROI, corresponde a um dos indicativos que apresenta se seu negócio está em andamento pelo caminho correto. Ele analisa a quantia investida em suas campanhas publicitárias e mostra se a empresa teve o retorno desejado.

Para efetuar o seu cálculo, basta subtrair o custo da quantia total da receita e realizar a divisão com o valor final da subtração e multiplicá-lo por 100. Essa apuração final faz com que os gestores consigam avaliar seu desempenho e se vale ou não a pena persistir no investimento neste ramo.

Em suma, todos os tópicos apresentados fazem parte de um conglomerado complexo no qual interfere diretamente na lucratividade final de uma determinada empresa. Para isso, é essencial que a execução de cada tópico seja feita da maneira mais eficiente possível, pois caso seja ruim e mal-executado, os demais também serão. Caso você se interesse por aprofundar mais sobre os tópicos citados, acompanhe os demais artigos do Jornal do Marketing.

Principais ferramentas de análise de dados para e-commerce

Durante o texto foi bastante mencionada a questão do ato, dos itens e das métricas de apuração, organização e sistematização de informações importantes. Entretanto, ainda não foi mencionado quais são as ferramentas utilizadas para a análise de dados para e-commerce.

As ferramentas de análise de dados para e-commerce correspondem aos programas utilizados para a realização da apuração, organização e sistematização das informações obtidas. Entre as ferramentas existentes, três se destacam mais: Google Analytics, Kissmetrics e Facebook Ads. Conheça mais sobre cada uma abaixo:

Google Analytics

O Google Analytics corresponde a uma das principais ferramentas avaliativas do comportamento do consumidor dentro do site de um negócio. Mediante a ele, dados importantes são apurados e posteriormente avaliados. Por ele, um gestor pode visualizar o ponto de origem dos internautas, abandono do carrinho e taxa de conversão. Além disso, através dele podem ser feitos os cálculos da taxa de rejeição e retorno do investimento.

Para usá-lo, precisa-se somente registrar uma conta na plataforma e criar um código que deverá posteriormente inserido no site. Por meio disso, os gestores poderão metrificar as informações por um período de tempo ou observar as informações de um sentido mais amplo.

Kissmetrics

O Kissmetrics corresponde a uma versão paga do Google Analytics, o que faz com que ele seja um pouco menos acessível. Entretanto, ele acaba por ser mais atrativo por conta da sua prioridade em analisar meios de conversão e de faturamento. Ele é essencial para um conhecimento melhor a respeito de dados ligados diretamente ao âmbito monetário de uma empresa.

Muitos especialistas indicam que o mais recomendado seria utilizar as duas ferramentas, haja vista que cada uma abrange âmbitos diferentes das métricas mais importantes para serem avaliadas em uma empresa. Em um mundo tão cheio de informações espalhadas como o atual, o uso dessas ferramentas de filtragem é essencial.

Facebook Ads

O Facebook Ads corresponde a ferramenta de impulsionamento de postagens, por meio de pagamentos, com a finalidade de atingir mais pessoas, possibilita assim uma ultrapassagem em comparação ao alcance que as postagens orgânicas – feitas de forma gratuita – possuem.

Essa ferramenta diferencia-se um pouco das citadas anteriormente. Enquanto elas tinham a função de ser uma apuradora, organizadora e sistematizadora de resultados, o Facebook Ads acaba por ser mais uma espécie de instrumento de aumento de alcance publicitário, além de ser focado somente em uma rede social: o Facebook.

O autor Luciano Rosa, em seu livro Instagram, WhatsApp e Facebook para negócios, lançado em 2021, evidenciou o fato de que a popularidade do Facebook Ads teve seu início em 2013, quando o Facebook reduziu o número de pessoas alcançadas que as fanpages tinham anteriormente. Como o aumento de páginas e usuários na rede social, foi necessário que se criassem algoritmos que controlassem o excesso de informação publicada.

Para isso, o Facebook Ads se torna uma ferramenta que sobrepõe algumas regras dos algoritmos da rede social e possibilita um alcance maior de uma determinada publicação, podendo ocasionar uma captação maior de pessoas novas para a página. Atualmente, com a queda de usuários engajados no Facebook, esta ferramenta não está sendo mais tão atrativa assim.

Ao decorrer do texto ficou notório o quanto a análise de dados para e-commerce é um instrumento essencial para aumentar a vida longa útil de um negócio dentro do mercado. A partir do conhecimento da real situação dela, os gestores conseguem tomar decisões mais inteligentes.

Outro fator que ficou bastante perceptível foi a complexidade da execução deste trabalho, haja vista que ele envolve várias informações, métricas e ferramentas, na qual o resultado de uma interfere na outra.

De maneira simplificada, para o trabalho final ser eficiente, as demais partes dele também deverão ser. Caso você goste deste conteúdo e queira saber mais sobre o universo do marketing digital, basta acompanhar os demais artigos do Jornal do Marketing.