70% dos cargos digitais e tecnólogos são ocupados por homens!

Sumário

Posts relacionados

70% dos cargos digitais e tecnólogos são ocupados por homens!

70% dos cargos digitais e tecnólogos são ocupados por homens!

De acordo com a Pesquisa Cargos Tech e Digital 2023 realizada pela Mercer, o setor de tecnologia e digital no Brasil apresenta uma grande desigualdade de gênero. A maioria dos cargos digitais são ocupados por homens, representando 70%, enquanto as mulheres ocupam uma parcela muito menor.

Desigualdade de gênero persiste nos cargos digitais e de tecnologia no Brasil, aponta pesquisa!

A distribuição de idade mostra que a maior parte dos cargos digitais e tecnologia são da Geração Y, representando 63% do total; Gerações X e Z com 22% e 13%, respectivamente.

Na liderança executiva, os cargos digitais que têm destaque nos salários são de Business Intelligence e Big Data, seguidos pelos cargos de Chief Technology Officer (CTO), Projetos, Estratégia de Transformação Digital, E-commerce e Marketing Digital.

Setor gerencial e cargos digitais: salários em alta segundo pesquisa de 2023!

No ano de 2023, houve um aumento de 10% nos salários dessas posições. No setor gerencial, as áreas mais valorizadas são:

  • Big Data;
  • Analytics;
  • Estratégia de Transformação Digital;
  • E-commerce;
  • Customer Experience (CX).

Já em cargos mais baixos, os que possuem remuneração mais alta são:

  • Projetos de TI;
  • Analytics;
  • Big Data;
  • Projeto Ágil;
  • Machine Learning.

O que nos leva ao assunto á seguir.

Empresas investem em tecnologia e impulsionam demanda por profissionais qualificados para cargos digitais!

Uma pesquisa foi realizada com 559 empresas, incluindo organizações tradicionais e digitais, tendo abrangido mais de 150 mil profissionais.

Empresas investem em tecnologia e impulsionam demanda por profissionais qualificados para cargos digitais!
Cargos digitais em alta – Fonte/Reprodução: original.

Além disso, a pesquisa também revelou que as empresas estão investindo cada vez mais em tecnologia e inovação, o que tem impulsionado a demanda por profissionais qualificados nessas áreas. A tendência é que esse cenário se mantenha nos próximos anos, já que a transformação digital é uma realidade em todo o mundo.

Por isso, é fundamental investir em capacitação profissional e desenvolvimento pessoal, a fim de acompanhar as demandas do mercado de trabalho e se destacar em meio à concorrência. Quem souber aliar conhecimento técnico e habilidades comportamentais terá um diferencial competitivo valioso.