Gerenciando o Estoque de E-commerce: Melhores Práticas

Sumário

Posts relacionados

Gerenciando o Estoque de E-commerce: Melhores Práticas

Gerenciando o Estoque de E-commerce: Melhores Práticas

Manter um estoque de e-commerce bem gerenciado é fundamental para as lojas online que desejam alavancar suas vendas, uma vez que ter os produtos disponíveis é essencial. Vale ressaltar que, manter um estoque, é um desafio que acompanha tanto as pequenas como as grandes empresas, uma vez que nem sempre as empresas conseguem manter a organização e o planejamento. 

Porém, com algumas práticas e estratégias é possível elaborar uma boa gestão do e-commerce, o que vai facilitar bastante o dia a dia da loja online, que atende as demandas dos clientes a tempo, enquanto os resultados e metas que podem ser alcançados. Confira com o Jornal do Marketing como isso pode ser feito!

O que é o gerenciamento de estoque de e-commerce?

A gestão do estoque de e-commerce é o ato de controlar, organizar, conservar e repor o estoque de uma loja online. Com esse gerenciamento é possível que as lojas tenham  sempre os produtos que precisam para atender as necessidades de seus clientes. 

O que é o gerenciamento de estoque de e-commerce?
Fonte/Reprodução: original.

Vale ressaltar que essa prática já acontece em pontos físicos que comercializam produtos, sejam eles loja de roupas ou um uma grande rede de departamentos e supermercados, porém quando se trata de uma loja online, a dinâmica costuma ser diferenciada, pois em alguns casos o compartilhamento do estoque também se dá com a loja física. 

Nesses casos o monitoramento deve ser ainda mais intensificado, pois há o risco de acontecer uma venda online sem ter o produto disponível em estoque, o que ocasiona o cancelamento da compra por “falha operacional”. 

Qual a importância de cuidar do estoque de e-commerce?

O estoque de e-commerce bem gerenciado garante às marcas uma potencialização de resultados, redução de gastos e maior satisfação do cliente, que terá sua mercadoria em mão o quanto antes, uma vez que ao ter disponibilidade de estoque, é possível que o produto chegue mais rápido até o consumidor final. 

Qual a importância de cuidar do estoque de e-commerce?
Fonte/Reprodução: original.

O gerenciamento também traz efeitos positivos para o espaço físico onde os produtos são armazenados, pois com uma boa organização é possível evitar que a capacidade de armazenamento do local seja reduzida, além de evitar itens fora do lugar, o que causa desorganização e avarias, e pode trazer prejuízo. 

Vale destacar que nos casos onde o estoque de e-commerce é único,e onde ela abastece lojas online e físicas, essa integração pode favorecer a implementação de um sistema omnichannel, e pode fazer com que a informação seja a mesma em ambos os ambientes. 

Motivos para se investir na gestão do estoque de e-commerce

Ainda que se tenha estratégias de marketing bem definidas em uma empresa, sem o bom gerenciamento de estoque de e-commerce de nada isso irá adiantar, afinal uma vez que o cliente é incentivado a fazer a compra e produto que ele deseja não se encontra no estoque, isso pode gerar uma insatisfação no consumidor. Confira alguns dos motivos para realizar essa organização: 

  • Aumentar as vendas: Com o estoque organizado é possível perceber os produtos mais desejados pelos clientes, o que auxilia na elaboração de novas estratégias com esses produtos para que eles sejam vendidos em momentos de baixa procura, para garantir resultados a empresa; 
  • Satisfação do cliente: Estoque organizado e abastecido garante que os produtos cheguem mais rápido ao consumidor, o que garante a sua satisfação. Além disso, é possível planejar estratégias para eliminar atrasos e a falta do produto no estoque, para atender a todos sempre com excelência; 
  • Capital de giro: Um estoque bem planejado torna possível a realização de comparativos de gastos em relação aos lucros de uma empresa. Com isso se torna mais fácil identificar o que pode ser otimizado, para remanejar os gastos e identificar o que de fato é necessário; 

Considerar esses motivos para realizar o gerenciamento de um estoque é essencial a fim de manter a organização e identificar possibilidades de crescimento através de estratégias assertivas e alinhadas ao gerenciamento do estoque, favorecer os resultados e a satisfação do cliente. 

Tipos de estoque de e-commerce

Por motivos estratégicos, as empresas podem escolher qual formato de estoque mais combina com o seu perfil. Isso pode indicar algumas razões relacionadas, entre elas os fatores logístico e financeiro são os mais comuns e podem influenciar diretamente a gestão desse estoque. Confira os tipos e um pouco mais sobre cada um deles. 

Consignado 

O modelo é um dos mais tradicionais da atualidade e funciona da seguinte forma: a fornecedora de produtos faz a reserva de uma determinada quantidade, e deixa à disposição do varejista, sem custos. A empresa, por sua vez, faz o pagamento apenas do que utilizar e os itens que não foram vendidos podem voltar ao fornecedor. 

A depender do acordo feito entre empresa e fornecedor, os produtos separados não precisam ser deslocados e dessa forma apenas o que é vendido é buscado no depósito desse fornecedor quando a venda é feita junto ao consumidor final. 

Descentralizado

Neste formato, o estoque de e-commerce possui armazenamento de mercadoria em diversos pontos do país ou em diversos lugares diferentes, sendo distribuídos pela mesma cidade. Eles se caracterizam por ter menores quantidades, porém são bem localizados. 

Esse modelo de estoque se destaca por agilizar o processo de chegada da mercadoria até o cliente, o que garante uma maior satisfação e favorece uma vantagem competitiva, uma vez que a dinâmica de entregas se torna mais rápida.

Compartilhado  

Este é um tipo de estoque de e-commerce que tem ganhado destaque, isso porque em um só lugar é possível ter as mercadorias que atendem as lojas físicas e virtuais, já que muitas empresas querem expandir seus negócios para ambas as frentes. 

Isso ajuda na redução de gastos, uma vez que em um só lugar é possível armazenar todos os produtos que atendem a ambos os formatos. Dessa forma é essencial que o gerenciamento seja redobrado a fim de evitar a falta de produtos tanto para o online como para a loja física. 

O formato de estoque escolhido pelas empresas varia, porém, seja qual for o modelo escolhido, é necessário que o gerenciamento seja realizado minuciosamente a fim de atender as demandas e garantir os melhores resultados às empresas. 

3 práticas para manter um bom gerenciamento do estoque de e-commerce

Já que o gerenciamento de estoque de e-commerce é tão importante, quais são as práticas que uma empresa pode adotar para tornar essa gestão eficiente para a empresa? Confira algumas dicas práticas que o Jornal do Marketing indica para que esse bom gerenciamento de estoque aconteça. 

Faça um levantamento do estoque

Realizar o monitoramento do estoque, e registrar todos os itens que se tem dentro dele é essencial, e se essa ação nunca foi realizada é necessário destacar que isso poderá demandar um pouco de tempo, porém irá solucionar boa parte dos problemas que se tem com o estoque. 

Para que esse controle seja realizado da maneira correta, a dica é fazer uma lista com cada um dos produtos do estoque, e fornecer um código de identificação a esses itens (para que eles sejam facilmente identificados) e a quantidade que cada um possui. No caso de variações de cores e formatos, é importante destacar as quantidades que elas possuem. 

Tenha um plataforma integrada 

A plataforma integrada serve para otimizar os processos, o que facilita o cadastro dos itens disponíveis em estoque e a rápida identificação desses itens com maior facilidade, o que pode gerar impacto em diversas áreas de uma empresa, em especial o comercial. 

O ideal é que essa plataforma fique disponível a todos os que precisam ter acesso ao estoque das empresas, e aprimorar a comunicação com o consumidor, além de facilitar os processos de logística, fazendo com que esse produto chegue mais rápido às mãos do cliente. 

Faça auditorias 

Ao realizar as auditorias é possível garantir que o estoque estará devidamente organizado, fazendo com que as informações registradas estejam de acordo com o que está no estoque, e diminuir as falhas e possíveis faltas no estoque. 

As auditorias ajudam as empresas a realizarem os ajustes necessários, além de evitar desvios e outros inconvenientes que possam vir a acontecer no estoque de uma empresa, mantendo todo o armazenamento organizado a fim de facilitar os processos. 

Implementar algumas dicas é essencial para garantir que o processo de gerenciamento de um estoque funcione corretamente, o que impacta o e-commerce de maneira positiva assim como toda a organização da empresa. 

O estoque de e-commerce é um grande aliado das empresas se bem gerenciado, pois oferece uma maior organização, além de proporcionar ao cliente uma melhor experiência através de um envio mais rápido, ampliando a vantagem competitiva no meio. Conte com o Jornal do Marketing para obter os melhores insights do mercado e alavancar os resultados de sua empresa!